Em breve:
Índice de DM1
Español
English

Podemos mudar o que podemos medir.

O diabetes tipo 1 (DM1) é uma condição crônica que dura a vida toda. Ela pode ser gerenciada, mas só com as ferramentas e os cuidados adequados. As pesquisas científicas vão ajudar a encontrar uma cura, mas para muitas pessoas de todo o mundo o diagnóstico ainda é uma sentença de morte.

O Índice de DM1 (The T1D Index) vai revelar, pela primeira vez, a verdadeira escala e o custo humano do diabetes tipo 1 no mundo. Podemos mudar o que podemos medir.

  • DIAS SAUDÁVEIS
    Horas disponíveis para fazer o que quiser.
  • AUTO-CUIDADO DIÁRIO
    Monitoramento e tratamento + visitas ao médico (não incluso o custo do tratamento).
  • PROBLEMAS RECORRENTES
    Hipos e outros eventos agudos.
  • PROBLEMAS A LONGO PRAZO
    Complicações de saúde como cegueira, nefropatia, neuropatia, etc.
  • MORTALIDADE PREMATURA
    Redução da expectativa de vida.

Entender o impacto do DM1 é um passo, mas quantificar esse custo é o que nos dará a oportunidade de dar grandes saltos. Juntos, podemos diminuir as perdas humanas evitáveis causadas por essa condição e, eventualmente, curá-la.

Seja o primeiro a saber sobre o lançamento do Índice de DM1 (The T1D Index) e apoie ações de resposta à condição.

Quero ficar informado

Inscreva-se para ser avisado quando o Índice de DM1 (The T1D Index) for lançado e receber atualizações por e-mail sobre como apoiar ações globais de enfrentamento ao DM1.

O que o Índice de DM1 revela?

O Índice apresenta o primeiro retrato global amplo do diabetes tipo 1. Ele mostra a prevalência e o crescimento do DM1 em todos os países do mundo: quantas pessoas vivem com a condição, onde moram, quantos anos elas têm e como a situação muda ao longo do tempo conforme mais diagnósticos são realizados todos os dias. O Índice também calcula o tempo (em vidas, dias e futuros) roubado pelo diabetes tipo 1 e suas complicações e apresenta ações necessárias para recuperá-lo.


VIDAS PERDIDAS.

Para cada duas pessoas que vivem com diabetes tipo 1, há uma terceira para quem o diagnóstico foi uma sentença de morte. Usando dados globais sobre diabetes, o Índice de DM1 faz uma estimativa sobre as “populações fantasma”, ou seja, o número alarmante de pessoas que deveriam estar vivas hoje caso tivessem acesso a um tratamento melhor, o que não aconteceu.

8 : 4

vivendo : fantasma


DIAS PERDIDOS.

Para as pessoas que vivem com DM1, dois de cada cinco dias são roubados pela condição devido aos minutos gastos todas as horas em monitoramento da glicemia e ações relacionadas ao cuidado, aos dias da semana trabalhados cujos ganhos vão para custear o tratamento e às semanas perdidas todos os anos com complicações e incapacitações.

  • DIAS SAUDÁVEIS
    Horas disponíveis para fazer o que quiser.
  • AUTO-CUIDADO DIÁRIO
    Monitoramento e tratamento + visitas ao médico (não incluso o custo do tratamento).
  • PROBLEMAS RECORRENTES
    Hipos e outros eventos agudos.
  • PROBLEMAS A LONGO PRAZO
    Complicações de saúde como cegueira, nefropatia, neuropatia, etc.
  • MORTALIDADE PREMATURA
    Redução da expectativa de vida.

FUTUROS PERDIDOS.

O DM1 é uma das condições crônicas que mais crescem no planeta. O Índice estima que o número de pessoas impactadas pelo DM1 deve mais do que dobrar até 2040. Embora seja mais comum em crianças, qualquer pessoa, de qualquer idade, pode ser diagnosticada. Se o DM1 não faz parte da vida da sua família agora, pode fazer no futuro.



1990-2030





Que AÇÕES podem ser tomadas a partir do Índice de DM1?

O Índice ajudará a trazer mais atenção para o DM1 globalmente e apoiará a luta por investimentos para salvar e melhorar vidas. O Índice de DM1 trará as evidências, mas a comunidade de diabetes precisará se mobilizar e exigir as ações que o Índice mostrará serem necessárias.

As vidas, dias e futuros perdidos para o DM1 nunca foram calculados dessa forma e nessa escala antes. O Índice nos fornece uma oportunidade rara de promover ações voltadas para medidas específicas que trarão mudanças imediatas e mensuráveis.

Se você quer ajudar, inscreva-se para ser avisado quando o Índice de DM1 for lançado e receber atualizações por e-mail sobre como apoiar ações globais de enfrentamento ao DM1.

FAQ

O que é diabetes tipo 1?

O diabetes tipo 1 (DM1) é uma condição crônica autoimune que faz com que o corpo perca a capacidade de produzir insulina, hormônio que ajuda no processamento do açúcar presente em nosso sangue. Sem insulina, nosso corpo não consegue converter esse açúcar em energia. Os cuidados com o DM1 envolvem, entre outras coisas, medições regulares dos níveis de açúcar no sangue e injeção ou infusão de insulina, mas sem a atenção e as medicações diárias, a condição pode ser fatal. O DM1 afeta pessoas de todas as idades em todo o mundo.

Como o Índice de DM1 (The T1D Index)
foi desenvolvido?

O Índice simula a extensão e os impactos do DM1 em todos os países do mundo. O desenvolvimento envolveu a compilação dos dados disponíveis em um modelo avançado e contribuições e validações de especialistas com o objetivo de elaborar um retrato global amplo do DM1 e do impacto causado pela condição. Isso esclareceu algumas questões e reforçou a necessidade de reunirmos mais dados para continuar a aprimorar a ferramenta. O Índice sempre será atualizado e melhorado. Se você tiver acesso a dados ou experiência com a presença ou o impacto do DM1 em algum país, compartilhe conosco.

Como o Índice de DM1 (The T1D Index) será aprimorado ao longo do tempo?

Desde o lançamento, o Índice apresentará o custo do diabetes com dados sobre prevalência, vidas perdidas e o impacto relacionado a complicações e incapacitações. Em atualizações futuras, o Índice será expandido para medir o impacto do DM1 em termos de custos econômicos diretos, efeitos causados pela aplicação de cuidados adequados e impactos na saúde mental e na qualidade de vida. O modelo será atualizado com todas as informações novas e precisas que obtivermos para garantir que ele seguirá sendo o retrato mais amplo e minucioso do DM1 no mundo.
Se você tem dados que podem contribuir para o Índice de DM1 (The T1D Index), fale conosco e se inscreva para fazer parte de futuras atualizações no modelo

Como posso participar?

Quero ficar informado

Em parceria com